7 PERGUNTAS ESTRANHAS PARA AJUDAR A ACHAR O SEU PROPÓSITO DE VIDA!

In Artigos, Propósito de Vida by Time BrainPowerLeave a Comment

Muitas pessoas não tem a menor ideia do que deveriam fazer para gerar mais impacto. É uma luta que quase todos passam. “O que eu quero fazer com a minha vida?”, “Qual é a minha paixão?”. Parte do problema é a forma como enxergamos o conceito de “propósito da vida”. A idéia de que nascemos cada um para um propósito e é nossa missão encontrá-lo.

Aqui está a verdade. Nós existimos nesta terra por algum período de tempo indeterminado. Durante esse tempo, fazemos diversas coisas. Algumas dessas coisas são importantes. Algumas delas são sem importância. E essas coisas importantes dão à nossa vida o significado e a felicidade. Os sem importância, basicamente, simplesmente matam o nosso tempo. Veja neste vídeo o valor do tempo na nossa vida, e em como muitas vezes nós desperdiçamos ele de diversas maneiras!

Então, quando as pessoas dizem: “O que eu devo fazer com a minha vida?” Ou “Qual é o propósito da minha vida?”, O que eles realmente estão perguntando é: “O que posso fazer com o meu tempo?”

Esta é efetivamente a questão a se questionar, muito mais prática e de resposta mais imediata. Não há nenhuma razão para você estar contemplando o significado cósmico de sua vida enquanto está sentado em seu sofá o dia inteiro comendo. Em vez disso, você deveria levantar e descobrir o que é importante para você.

A já famosa frase de Albert Einstein diz:

“Insanidade é fazer a mesma coisa e esperar resultados diferentes”.

Aí vai uma série de perguntas para te ajudar a descobrir o que é importante para você e o que pode acrescentar mais significado a sua vida.

Essas questões não são, de modo algum, exaustivas ou definitivas. Na verdade, eles são um pouco INUSITADAS. E são assim exatamente para te tirar do lugar comum, tirar seu pensamento da zona de conforto. Até porque descobrir o propósito em nossas vidas deve ser algo divertido e interessante, não uma tarefa árdua.

  1. QUAL SITUAÇÃO RUIM VOCÊ AGUENTARIA DE PASSAR?

Esta é uma questão importante. Porque aqui está a verdade sobre a vida que eles não te contam na escola. Tudo vai dar errado às vezes (muitas vezes). Não temos controle de tudo, o único controle que podemos tentar exercer é como reagir internamente frente a ausência de controle externo. E isso é uma ideia libertadora!

Tudo envolve sacrifício. Tudo inclui algum tipo de custo. Nada é prazeroso ou edificante o tempo todo. Então a questão se torna: que luta ou sacrifício você está disposto a tolerar? Em última análise, o que determina a nossa capacidade de ficar com algo de que nos preocupamos é a nossa capacidade de lidar com os manchas ásperas e enfrentar os inevitáveis ​​dias de chuva.

Se você quer ser um empreendedor de tecnologia brilhante, mas você não pode lidar com o fracasso, então você não vai chegar longe. Se você quer ser um artista profissional, mas não está disposto a ver o seu trabalho rejeitado centenas, senão milhares de vezes, então você não está pronto antes de começar. Se você quer ser um advogado do tribunal, mas não aguenta as semanas de trabalho de 80 horas, então tenho notícias ruins para você. Nós temos muitos exemplos de famosos e pessoas de sucesso que passaram por situações ruins, mas persistiram. ARTIGO: 5 FAMOSOS QUE ENCONTRARAM O SEU PROPÓSITO DE VIDA!

Que experiências desagradáveis ​​você consegue lidar? Você consegue ficar acordado toda a noite para terminar um trabalho importante? Você pode adiar começar uma família? Você é capaz de lidar com o fracasso ou com a crítica das pessoas ao seu redor? Você está preparado para passar por coisas ruins para alcançar o seu objetivo?

Você já parou para analisar a vida de pessoas de sucesso? Qual teria sido o peso de um fracasso na vida delas? Garanto que é um pensamento importante e libertador para você, descobrir qual seria esse peso na SUA vida. Confira esse vídeo para saber qual é o preço do fracasso:

  1. QUAL É A VERDADE SOBRE VOCÊ HOJE, QUE FARIA O SEU EU ANTIGO CHORAR?

Todos nós tendemos a perder contato com o que amávamos enquanto crianças. Alguma coisa sobre as pressões sociais da adolescência e as pressões do dia a dia do mundo adulto espremem a paixão em nós. Nós ensinam que o único motivo para se fazer algo é se somos de alguma forma INSTANTANEAMENTE recompensados ​​por isso.

Se o seu eu de 8 anos perguntasse ao seu eu de hoje: “Por que você desistiu disso?” E você responder: “Porque não sou bom nisso” ou “Porque não se pode ganhar dinheiro fazendo isso”, não só estaria completamente errado, mas essa versão de 8 anos de você mesmo provavelmente teria começado a chorar.

Seja a criança que está dentro de você! Não ceda a pressão do nosso cérebro que nos impede de ser a pessoa que devemos ser, é você mesmo que tem que controlá-lo!

  1. O QUE FAZ VOCÊ SE ESQUECER DE COMER E IR AO BANHEIRO?

Todos nós tivemos essa experiência onde ficamos tão concentrados em algo que os minutos se transformam em horas e horas se transformam em “ops, eu esqueci de almoçar”.

Supostamente, em seu auge, a mãe de Isaac Newton teve que regularmente lembrá-lo de comer, porque ele tinha dias inteiros tão absorvidos em seu trabalho que ele esqueceria sem um aviso.

Talvez o que te prende é organizar as coisas de forma eficiente, ou se perder em um mundo de fantasia, ou ensinar algo a alguém, ou resolver problemas técnicos. Seja como for, não importa tanto a atividade em si que o mantém acordado a noite toda, mas veja o que há por trás dela. Porque isso dará pistas para identificar seu propósito.

  1. COMO VOCÊ PODE FAZER ALGO PARA SE ENVERGONHAR?

Se você evitar qualquer coisa que possa potencialmente te envergonhar, então você nunca acabará fazendo algo que se sinta importante. Sim, parece que, mais uma vez, tudo volta à vulnerabilidade. Não há sucesso sem exposição, sucesso secreto não existe.

Há algo que você quer fazer, algo que você pensa em fazer, algo que você fantasia fazer, mas você não faz. Você tem seus motivos, sem dúvida. E você repete estas razões para você mesmo infinitamente.

Mas quais são esses motivos? Porque posso te falar agora que, se esses motivos se basearem no que os outros pensariam, então você está errado.

Seus motivos são: “Meus pais odiarão”, ou “Meus amigos iriam rir de mim”, ou “Se eu falhasse, eu faria papel de idiota”, então é provável que você esteja evitando algo que realmente se importa, e isso o assusta. ARTIGO: POR QUE GANHAR DINHEIRO NÃO É O SEU REAL PROPÓSITO DE VIDA? E COMO SABER QUAL É?

As coisas boas são, pela sua própria natureza, únicas e não convencionais. Portanto, para alcançá-las, devemos ir contra a mentalidade do rebanho. E fazer isso é assustador. Abrace o improvável. Sentir-se tolo faz parte do caminho para alcançar algo importante, algo significativo.

  1. COMO VOCÊ VAI SALVAR O MUNDO?

Caso não tenha visto as notícias ultimamente, o mundo tem alguns problemas. Só alguns.

Que tal escolher um destes problemas e ajudar a salvar o mundo. Não existe um problema certo ou errado, o errado é focar apenas nos seus problemas e não nos infinitos que existem para as outras pessoas. Ser relevante e gerar impacto, nunca é de você para você mesmo, e sim para os outros. E olhe que há muito por ai para escolher.

Nossos sistemas educacionais quebrados, desenvolvimento econômico, violência doméstica, cuidados de saúde mental, corrupção governamental, pessoas querendo aprender a criar negócios, aprender a cozinhar, a economizar nas dívidas… Há uma lista infinita!

Encontre um problema que lhe interessa e comece a resolvê-lo. Obviamente, você não resolverá os problemas do mundo sozinho. Mas você pode contribuir e fazer a diferença, gerar valor. E esse sentimento de fazer a diferença é, em última análise, o que é mais importante para sua própria felicidade e satisfação.

  1. SE ALGUÉM COLOCASSE UMA ARMA NA SUA CABEÇA PARA DEIXAR SUA VIDA E SUA CASA PARA TODO O SEMPRE. PARA ONDE IRIA E O QUE FARIA?

Para muitos de nós, o inimigo somos nós mesmos. Nós entramos em nossas rotinas. Nós nos distraímos. O sofá é mais confortável. E nada de novo acontece.

Isto é um problema, como você já deve imaginar.

O que a maioria das pessoas não entende é que a paixão é o resultado da ação, não a causa disso.

Descobrir pelo que você é apaixonado é um processo de tentativas e erros. Nenhum de nós sabemos se gostamos ou não de um esporte antes de praticá-lo por exemplo. Devemos colocar em prática aquilo que temos em mente, mesmo que erramos, precisamos arriscar.

Então, pergunte-se se alguém colocar uma arma na sua cabeça e forçar você a sair da sua casa todos os dias, como você escolheria se ocupar? E não, você não pode simplesmente ir se sentar em uma cafeteria e ficar no Facebook. Você provavelmente já faz isso. Vamos fingir que não há sites inúteis, nem videogames, nem TV. Você tem que estar fora da casa o dia todo, até o momento de ir para a cama – onde você iria e o que você faria?

Inscrever-se para uma aula de dança? Participar de um clube de livros? Vai atrás de outro diploma? Inventar uma nova forma de sistema de irrigação que possa salvar milhares de vidas infantis na África? Aprender algo novo?

O que você faria com todo esse tempo?

Se gostou da ideia, escreva algumas respostas e, então, você sabe, saia e realmente as faça!

  1. SE VOCÊ SOUBESSE QUE IRIA MORRER EM 1 ANO, O QUE VOCÊ IRIA FAZER E COMO GOSTARIA DE SER LEMBRADO?

A maioria de nós não gosta de pensar na morte. Isso é uma “aberração” para muitos. Mas pensar sobre nossa própria morte surpreendentemente tem muitas vantagens práticas. Uma dessas vantagens é que isso nos obriga a refletir sobre o que é realmente importante em nossas vidas e o que é apenas superficial e não importante. Isso faz com que as pessoas reavalie a suas prioridades.

Qual será o seu legado? Quais são as histórias que as pessoas vão contar quando você for embora? O que o seu obituário vai dizer? Existe alguma coisa a dizer? Caso contrário, o que você gostaria de dizer? Como você pode começar a trabalhar para isso hoje? E, novamente, se você fantasia sobre o seu obituário dizendo um monte de coisas somente para agradar as outras pessoas, então, novamente, você está falhando aqui. ARTIGO: 6 FILMES PARA REFLETIR SOBRE A VIDA

Quando as pessoas sentem que não têm senso de direção, sem propósito em suas vidas, é porque eles não sabem o que é importante para elas, elas não sabem quais são seus valores.

E quando você não sabe quais são seus valores, então você está essencialmente assumindo os valores de outras pessoas e vivendo as prioridades de outras pessoas em vez da sua.

Descobrir o “propósito” de vida passa necessariamente por encontrar coisas que são maiores do que você mesmo e maiores que as que as outras coisas que estão ao seu redor. E para encontrá-las, você deve sair do seu sofá e agir!

Vamos nessa?

Qual é seu próximo passo?

Quero te ajudar com uma aula online gratuita! Se estiver comprometido a encontrar seu propósito sugiro que assista a aula online ​​​​​​​”Use Seu Propósito para gerar IMPACTO!” enquanto ela ainda está disponível! Garanta sua vaga e vamos nessa!

 

Leave a Comment