POR QUE GANHAR DINHEIRO NÃO É O SEU REAL PROPÓSITO DE VIDA? E COMO SABER QUAL É?

In Artigos, Propósito de Vida by Time BrainPowerLeave a Comment

“A medida real da sua riqueza é quanto você valeria se perdesse todo o seu dinheiro.” Bernard Meltzer

Alguns tratam dinheiro como único objetivo na vida. Outros que dizem não tratar, mas acabam deixando até sua própria família em segundo plano nas pequenas decisões do dia a dia quando é necessário escolher entre a família e o dinheiro.

Se você acha que é sua família é o mais importante para você, mas não tem tempo para passar com ela, porque está ocupado demais trabalhando para ganhar dinheiro extra. Então talvez o dinheiro esteja sendo seu único foco! E assim como qualquer pessoa que tem um único foco, muitas coisas acabam ficando de lado, talvez inconscientemente.

Para começar a pensar sobre isso, dê uma conferida neste vídeo antes de começar a ler!

E sabendo que a palavra SUCESSO é relativa, eu te pergunto. O que é sucesso para você? Pode ser ganhar muito dinheiro, ter muito sucesso, ser respeitável, contribuir com a sociedade, servir uma entidade superior, etc.

Será que a chance de isso ocorrer é maior se você agir com base no que você realmente é ou permitir que a força da sociedade, do julgamento dos outros, decidam o que é melhor para você?

Naturalmente, propósito é algo 100% individual. Não existe propósito imposto a alguém. Quem vive o que é imposto ou ACEITO pelos outros, acaba vivendo a vida como de um fantoche, muitas vezes sequer questionando esse fato.

E muitas vezes vivemos essas finalidades impostas. “Propósitos” que foram impostos a você por outras pessoas, e baseado no que elas pensam que é o melhor para a sua vida. Os propósitos impostos não são os seus propósitos reais porque refletem o que os outros querem de você. Eles foram definidos como verdades universais, únicas e inquestionáveis. Por conta da sutileza que isso foi introduzido na sua vida, e pela força que já tem no seu mundo, poucas pessoas param para pensar nisso. Afinal, se todos à sua volta aderirem a esses propósitos (como acontece com frequência enorme), as pessoas acabam se tornando iguais. Escola, faculdade, emprego, casamento, comprar casa, se encher de dívidas, trabalhar para pagar as dívidas, se aposentar….. sem nunca ter feito o que amam.

Muitas vezes o que mais buscamos é a aceitação dos outros, agradar outras pessoas, não ser questionado. Isso faz com que a gente se sinta bem, mesmo sem perceber que a cada vez que fazemos isso tiramos um pedacinho de nós mesmos. E pouco a pouco não mais nos reconhecemos, vivemos em uma rotina que não é a nossa, e ultimamente uma vida que não é a nossa. Neste momento você será aceito por todos, talvez menos por você mesmo. Vale a pena?

Quando você finalmente descobre o seu real propósito, começa a viver de forma consciente.

Um propósito real liberta! Está vivo dentro da sua alma, inflamando, queimando, ardendo, disparando todos os dias da sua vida e existência. É um propósito que você criou conscientemente e se abraçou a ele! Não é algo que leu em algum livro ou foi imposto por alguém. O propósito de vida é uma missão pessoal.

Um propósito de vida imposto, por outro lado, é impulsionado pelo ego e obrigação de viver de acordo com as expectativas dos outros. É algo que muitas vezes se não consegue alcançar, você acaba se sentindo deslocado. Ao seguir esse propósito imposto pode te dar uma satisfação a curto prazo, mas a longo prazo te traz insatisfação, quase como se algo estivesse faltando na sua vida.

PROPÓSITOS IMPOSTOS X PROPÓSITOS LIVRES

Abaixo, você encontrará uma visão comparativa dos propósitos impostos contra os propósitos livres. Este conceito de propósitos impostos e livres é realmente similar em temas aos propósitos criados e herdados de Brad Swift (de seu livro Life on Purpose).

Propósitos impostos:

Estes foram impostos externamente em nossa vida atual como responsabilidades, obrigações ou o que as pessoas pensam que devemos fazer. As características incluem:

  • Atribuído a você por outros: Está compenetrado em você ao longo de sua vida. Vem como resultado de fazer parte de um grupo maior, como família, sociedade, religião, etc. Ele flui de fora do mundo para você.
  • Reflexão das necessidades dos outros: Propósitos impostos refletem idéias de outras pessoas, que é transferido para você.
  • Baseado no medo: Impulsionada pelo medo, o ego e a obrigação de viver de acordo com as expectativas dos outros.
  • A busca pela satisfação temporal: A longo prazo uma sensação de insatisfação começa a assumir esse lugar, como se houvesse algo em falta na sua vida.
  • Mecanismo padrão que aceitamos quando não vivemos conscientemente
  • Exemplos: Ganhar dinheiro, continuar uma empresa familiar, ter sucesso, alcançar determinados status sociais, qualquer propósito que tenha sido designado por outros

Propósitos livres

É uma criação ativa feita por você conscientemente. É conduzido e alimentado internamente. As características incluem:

  • Conscientemente criado por você nesta vida; sua escolha pessoal. Flui de dentro de você em direção ao mundo. O fator importante a reconhecer é que é uma criação e escolha deliberada por você como indivíduo
  • Ressoa com quem você é. Porque é uma definição que decorreu de você, é essencialmente uma extensão do seu núcleo
  • Baseado no amor. Impulsionada pelo desejo interior, paixão e amor.
  • Livre das expectativas dos outros, sobre o que eles acham que você deveria fazer.
  • Inspira e energiza você apenas com o simples pensamento disso. É o empoderamento da natureza.
  • A busca proporciona um significado e uma realização duradouros
  • Exemplo: auto-expressão criativa, crescendo e educando outros, inspirando amor, ajudando outras pessoas.

Você pode ver melhor a diferença entre os dois? Ao ler esta lista, algumas das descrições provavelmente vão de encontro com o que você experimentou e observou em sua vida.

O ex aluno, Rogério Vilar entendeu isso. Depois de muitos anos trabalhando em algo que não amava, ele finalmente resolveu ir atrás e viver o seu verdadeiro propósito de vida! Confira:

Portanto, qual tipo de propósito você quer ter em sua vida? Qual é o seu propósito de vida? Qual é o propósito da vida que você tem contado ou esperado dos que estão à sua volta? Independentemente do que seja, questione-os. Questione a base dessas afirmações e crenças. Como eles vieram a ser? Por que eles são o que são? Este será o primeiro passo para ser um criador ativo e consciente de sua vida.

Qual é o próximo passo?

Se isso é importante para você. Entender como gerar mais valor, mais impacto no mundo, então quero te ajudar com uma aula online gratuita! Corra enquanto a aula estiver ainda disponível e acesse a aula online ​​​​​​​”Use Seu Propósito para gerar IMPACTO!” Garanta sua vaga e vamos nessa!

 

Leave a Comment